INCLUDES_HEADER
Busca:
BANNER_TOP_960

Categoria Arquivos: FGTS

Credito Imobiliario Itau


O Crédito Imobiliário Itaú oferece a melhor relação custo-benefício para ajudar com o novo imóvel. As etapas para a contratação do financiamento são as seguintes:

  1. Aprovação do crédito: o cliente deve enviar uma proposta para análise de crédito. Com o crédito aprovado, um representante se contatará para lhe informar as condições de financiamento e lhe orientar sobre as etapas do processo. A análise de crédito é feita em até 1 hora, 7 dias da semana.
  2. Análise técnica de operação: o cliente entrega os documentos para contratação do financiamento. As copias simples dos documentos pessoais não precisam de certidões; e os documentos originais necessários são a matricula do imóvel e o extrato do FGTS (se usar os recursos do fundo). Serão avaliados os documentos, condições de seguro e o imóvel.
  3. Assinatura e registro: Com a avaliação feita e aprovada, o Banco Itaú conformará os dados, emitirá o contrato e enviará para assinatura (compradores e vendedores) e para registrar no Cartório de Registro de Imóveis.
  4. Liberação dos recursos: O crédito é liberado em até 5 dias úteis.

As vantagens:

  • Taxas de juros competitivas e definidas de acordo com o perfil de crédito de cada cliente e da operação.
  • O cliente pode escolher o prazo para pagamento, até 30 anos e pode financiar até 80% do valor do imóvel.
  • Poderá utilizar o seu FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – para pagamento da entrada do imóvel ou amortização do financiamento, e incluir no financiamento os custos adicionais com registro do contrato e Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI). Este crédito é fixo em 5% do valor do imóvel e será creditado em sua conta corrente via reembolso.

Produtos

Itaú SAC Residencial 

  • Taxa de Juros Indicativa: TR + 11% ao ano (0,87% ao mês)
  • Prazo de financiamento: Mínimo de 12 meses e máximo de 360 meses.
  • Valor do imóvel: a partir de R$ 62,5 mil, sem limite máximo.
  • Percentual de financiamento: até 80% do valor do imóvel, sendo mínimo de R$ 50 mil.
  • Renda exigida: comprometimento de até 35% da renda líquida
  • Utilização do FGTS: para imóveis residenciais com valor de avaliação até R$ 500 mil
  • Sistema de Amortização: SAC – Sistema de Amortização Constante  
  • Linha de financiamento: Imóvel até R$ 500 mil: SFH /Imóvel acima de R$ 500 mil: TM/CH
  • Índice de reajuste: a prestação e o saldo devedor são reajustados mensalmente pelo índice de atualização da caderneta de poupança, atualmente, a Taxa Referencial – TR.
  • Garantia do Financiamento: alienação fiduciária do imóvel.
  • Tarifa de Avaliação de Bens Recebidos em Garantia: R$ 1.190,00.
  • Tarifa – Administração de Contrato: é cobrado o valor de R$ 25,00 mensalmente com a prestação referente aos serviços de administração do financiamento. Essa tarifa é incorporada ao valor do financiamento.
  • Seguros: cobertura de MIP (Morte e Invalidez Permanente) e DFI (Danos Físicos ao Imóvel). Os valores desses seguros são somados à prestação mensal.  
  • 

Itaú Mix Residencial 

  • Taxa de Juros Indicativa: TR + 11,5% a.a para as primeiras 36 prestações e TR + 10,35% a. a partir da 37 prestação
  • Prazo de financiamento: mínimo de 48 meses e máximo de 360 meses
  • Valor do imóvel: a partir de R$ 62,5  mil, sem limite máximo.
  • Percentual de financiamento: até 80% do valor do imóvel, sendo mínimo de R$ 50 mil.
  • Renda exigida: comprometimento de até 35% da renda líquida
  • Utilização do FGTS: para imóveis residenciais com valor de avaliação até R$ 500 mil.
  • Sistema de Amortização: Itaú Mix
  • Linha de financiamento: Imóvel até R$ 500 mil: SFH/ Imóvel acima de R$ 500 mil: TM/CH
  • Índice de reajuste: a prestação e o saldo devedor são reajustados mensalmente pelo índice de atualização da caderneta de poupança, atualmente, a Taxa Referencial – TR.
  • Garantia do Financiamento: alienação fiduciária do imóvel.
  • Tarifa de Avaliação de Bens Recebidos em Garantia: R$ 1.190,00.
  • Tarifa – Administração do Contrato: é cobrado o valor de R$ 25,00 mensalmente com a prestação referente aos serviços de administração do financiamento. Essa tarifa é incorporada ao valor do financiamento.
  • Seguros: cobertura de MIP (Morte e Invalidez Permanente) e DFI (Danos Físicos ao Imóvel). Os valores desses seguros são somados à prestação mensal.  
  • 

Itaú SAC Comercial 

  • Taxa de juros indicativa: TR + 14% ao ano
  • Prazo de financiamento: Mínimo de 12 meses e máximo de 144 meses
  • Valor do imóvel: Entre R$ 71,5 mil e R$ 500 mil
  • Percentual de financiamento: até 70% do valor do imóvel, sendo mínimo de R$ 50 mil
  • Renda exigida: comprometimento de até 35% da renda líquida
  • Utilização do FGTS: Não
  • Sistema de Amortização: SAC – Sistema de Amortização Constante  
  • Linha de financiamento: Carteira Hipotecária
  • Índice de reajuste: a prestação e o saldo devedor são reajustados mensalmente pelo índice de atualização da caderneta de poupança, atualmente, a Taxa Referencial – TR.
  • IOF: alíquota de 0,0082% ao dia (vendedor pessoas físicas)
  • Garantia do Financiamento: alienação fiduciária do imóvel.
  • Tarifa de Avaliação de Bens: R$ 1.190,00
  • Tarifa – Administração do Contrato: é cobrado o valor de R$ 25,00 mensalmente com a prestação referente aos serviços de administração do financiamento. Essa tarifa é incorporada ao valor do financiamento.
  • Seguros: cobertura de MIP (Morte e Invalidez Permanente) e DFI (Danos Físicos no Imóvel). Os valores desses seguros são somados à prestação mensal. 
  • Escritura: Caso seja necessário Instrumento Público, o custo do mesmo será de responsabilidade das partes.
  • 

Itaú Mix Comercial 

  • Taxa de juros indicativa: TR + 16,2% a.a. para as primeiras 36 prestações e TR + 10,8% a.a. a partir da 37ª prestação.
  • Prazo de financiamento: mínimo de 48 meses e máximo de 144 meses
  • Valor do imóvel: Entre R$ 71,5 mil e R$ 500 mil
  • Percentual de financiamento: até 70% do valor do imóvel, sendo mínimo de R$ 50 mil
  • Renda exigida: comprometimento de até 35% da renda líquida
  • Utilização do FGTS: Não
  • Sistema de Amortização: Itaú Mix
  • Linha de financiamento: Carteira Hipotecária
  • Índice de reajuste: a prestação e o saldo devedor são reajustados mensalmente pelo índice de atualização da caderneta de poupança, atualmente, a Taxa Referencial – TR.
  • IOF: alíquota 0,0082% ao dia (vendedor pessoas físicas)
  • Garantia do Financiamento: alienação fiduciária do imóvel.
  • Tarifa de Avaliação de Bens Recebidos em Garantia: R$ 1.190,00.
  • Tarifa – Administração do Contrato: é cobrado o valor de R$ 25,00 mensalmente com a prestação referente aos serviços de administração do financiamento. Essa tarifa é incorporada ao valor do financiamento.
  • Seguros: cobertura de MIP (Morte ou Invalidez Permanente) e DFI (Danos Físicos no Imóvel). Os valores desses seguros são somados à prestação mensal.  
  • Escritura: Caso seja necessário Instrumento Público, o custo do mesmo será de responsabilidade das partes.

Banco Comunitário em Porto Velho promovido pela Prefeitura


Porto Velho será contemplado com o projeto Bancos Comunitários na Amazônia, uma iniciativa do Ministério do Trabalho e Emprego, via Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes), que na região Norte é coordenado pelo Instituto Capital Social, de Belém (PA). O projeto está sendo viabilizado pela prefeitura da capital, por meio da secretaria municipal de Desenvolvimento Socioeconômico e Turismo (Semdestur).

Os bancos comunitários são uma nova modalidade de instituição financeira que consistem em oferecer serviços financeiros em rede de natureza associativa e comunitária. Estão voltados à geração de emprego e renda, na perspectiva de reorganizar as economias locais tendo por base os princípios da economia solidária, como: autogestão, solidariedade, cooperação e sustentação econômica. É uma iniciativa que visa a democratização do crédito.

Mais

Para os brasileiros o crédito não e a principal função dos bancos


A concessão de crédito é vista pelos brasileiros apenas como a terceira mais importante função de um banco, segundo o estudo “Bancos: exclusão e serviços”, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O empréstimo de dinheiro foi mencionado por 4,5% dos brasileiros como a atividade mais importante das instituições financeiras.

Para 52,1% dos brasileiros, a principal função dos bancos é movimentar ou guardar dinheiro. A segunda atividade mais reconhecida foi a oferta de produtos e serviços e pagamentos de contas, opção escolhida por 29,5% dos entrevistados.

Mais

Bradesco, Itaú Unibanco, Banco do Brasil e Santander planejam instalar 3.200 agências nos próximos quatro anos


O crescimento da população bancarizada faz parte dos temas em discussão nas reuniões de conselho de administração das maiores instituições financeiras do País.

Itaú Unibanco, Bradesco, Santander e Banco do Brasil estão de olho no crescimento da renda da população. Para oferecer seus produtos para um número cada vez maior de clientes, não fazem economia nos planos de ampliação da rede de atendimento. São 3.200 agências como meta até 2014, ou dois novos pontos por dia.

Mais

Como usar o seu FGTS no financiamento de Imóvel – Banco Itaú


Você pode utilizar os recursos do seu FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – ao adquirir seu imóvel residencial para:

  • Pagamento de parte do valor de compra
  • Amortização extraordinária ou liquidação do saldo devedor (somente após a contratação)

Para que o FGTS possa ser utilizado, devem ser cumpridos certos requisitos, definidos pela entidade administradora desses recursos, a Caixa Econômica Federal. Confira a seguir as condições para:

Compradores

  • Devem comprovar no mínimo 36 depósitos junto à(s) conta(s) do FGTS
  • Não podem ter sido proprietários do imóvel que pretendem adquirir nos últimos 2 anos
  • Não podem ser proprietários, compradores, detentores de fração superior a 40% ou usufrutuário de outro imóvel residencial ou apart-hotel, concluído ou em construção, nas seguintes localidades:
  • No município onde exercem sua ocupação principal, assim como nos municípios limítrofes ou integrantes da mesma região metropolitana
  • No atual município de residência
  • Em qualquer parte do país, caso o imóvel seja financiado pelo SFH

Mais

ANALYTICS_CODE